quarta-feira, junho 13, 2007

[...]

Rasurei o rascunho amarrotado da saudade…
E reli… sem pressa… sem vontade…
Os escritos depositados na gaveta….

Grão a grão… passou a vida na ampulheta…
Passo a passo… renovou-se um caminho na cidade…
Mentira a mentira… construiu uma verdade…
Suspiro a suspiro… se respira na sarjeta.

E nada mais por mim ficou…
E tudo mais, em mim atracou….

Um dia… de tão claro ser
Cegou-me as virtudes que me viram nascer…
E a noite… que ilumina o parco sorriso…
Nasce na hora certa de um tempo impreciso…

Mas… é tarde demais para sentir…
É cedo, muito cedo para acordar…
Sonho com realidades que me fazem sonhar…
E acordo… acordo, para novamente deixar de existir.


E no fim…
E porque perdura sempre um fim…
Faço questão de não acabar…
O rascunho que a saudade foi abraçar.

12 comentários:

Anónimo disse...

Rascunhos que perduram no tempo...
Vontades confessadas a pedaços de papel...folha a folha que deixa adivinhar uma vida que ficou no passado...
Um suspiro...Sorrisos...Uma lágrima que solta desgostos que se alastram...
Nunca será tarde lembrar...
Nunca será tarde esquecer...
Realidades que nos cegam,
Sonhos que nos habitam,
Um abraço que conforta duas almas,
Um sorriso que completa o sentimento que nos une...

(Se no escritório escreves assim...imagino no recanto do teu sossego...mas por mais que te releia é difícil compreender-te...rsrsrsrs...estou na brinca contigo).

Continua a deliciar-me com a magia das tuas palavras...beijo em tueee!!!

(eternasonhadora)

Som do Silêncio disse...

Muito bom o que escreveste...

Beijo Silencioso

a_cabra disse...

fonix... é só o que me ocorre dizer :-) Beijo

deKruella disse...

Ai Filipe...que bonito rapaz!

Gabriela disse...

Ecoman...saudades!!!
não te sabia a escrever assim...gostei muito...vou ler os outros posts.
jinhos pa tu...muitos
da feia

Anónimo disse...

:´(

mj disse...

Eu cá estou á espera de coisas novas..não vou comentar velharias, ehehehe, vá mexe-te ...o Santo António já passou há muito tempo... *

Lita disse...

Papeis guardados na gaveta, recordações, com aromas....

:-)

Beijo

ML disse...

Numa de curiosidade, entrei... li e reli e tornei a ler! Impecável! Lindo! Fabuloso! Deliciosamente Belo!
Hei-de voltar, porque quem gosta, volta! E eu,
ADOREI!!

mysticdream disse...

Muito bem escrito.
Abraço.

Sandrine disse...

Excelente texto! Costumo 'ler-te' no Kruella... por isso foi só a continuação da qualidade de escrita já demonstrada!
Espero um dia poder ver-te no meu cantinho!
Jinhos
S

Anónimo disse...

ola,
gostei muito de seu blog, mas voce escreve coisas magicas, para mim sua sombra seria magia e nao letras de musica, apesar da letra ser magica e tudo ser magico... voce criou a sua sombra... A magia