sábado, agosto 26, 2006

Sonhos...

Sonhos…
De todas as cores….
De cor nenhuma…
De intensos amores…
(De amores) escondidos na bruma…

Sonhos… e mais sonhos…

Com amor à saudade…
Com lágrimas secas…
Com temor à realidade…

Sonhos… sonhados outrora
Caminham longe… em nós…
Sonhos… de um passado chamado agora…

Mais sonhos… muitos mais sonhos…

Sonho acordado…
Os sonhos… que um dia comigo adormeceram.
De olhar fechado…
Vou além… dos segredos que morreram…
Pela liberdade terem alcançado.

(a sombra...sombreou por si)

10 comentários:

BB (O.ö) disse...

De nada serve permanecermos no sonho quando nos esquecemos de viver a realidade...

Mas sonhar é muito bom.

Cláudia Faro Santos disse...

A festa do silêncio

"Escuto na palavra a festa do silêncio.
Tudo está no seu sítio. As aparências apagaram-se.
As coisas vacilam tão próximas de si mesmas.
Concentram-se, dilatam-se de ondas silenciosas.
É o vazio ou o cimo? É um pomar de espuma.

Uma criança brinca nas dunas, o tempo acaricia,
o arprolonga. A brancura é o caminho.
Surpresa e não surpresa: a simples respiração.
Relações, variações, nada mais. Nada se cria.
Vamos e vimos. Algo inunda, incendeia, recomeça.

Nada é inacessível no silêncio ou no poema.
É aqui a abóbada transparente, o vento principia.
No centro do dia há uma fonte de água clara.
Se digo árvore a árvore em mim respira.
Vivo na delícia nua da inocência aberta."

António Ramos Rosa

(Um presente presente, para ti (:)) )

*

DIV de divertida disse...

Lindo!!!!!
(e agora em português...! ou... explica-me como se eu fosse muuuuiiiiiito burra)

Som do Silêncio disse...

:-)
Já te tinha dito que gosto de te ler?

Bjs

A_VozDoSilencio disse...

Por vezes o silêncio diz mais que mil palavras!
E em silêncio permaneço ao ler-te...não há palavras...que descrevam a sensação de paz que me transmites...

Lita disse...

Sonhar...é acordar-se para dentro...por isso nunca deixes os teus sonhos morrerem...é mt bom sonhar...é mt bom sonhar a dois.... ;) beijoca*

mj disse...

Essa coisa de sonhar muito acordado, isso será normal? *

tonsdeazul disse...

Sonhos que não me deixam saltar, nem cair,
Que me prendem a uma fantasia,
Que me deixam perdida em ausências e esperanças,
Mas que me aquecem o lado esquerdo do peito.

Utzi disse...

Que poema lindo...
É um prazer descobrir um blog com tanta qualidade :) Obrigada pela visita na minha nuvem, prometo voltar sempre a este espaço. Adorei.
Parabéns *

Anónimo disse...

Os sonhos dão-nos muitas vezes o que o mundo nos tira!

*Beijo*

Cristina