segunda-feira, janeiro 23, 2006

(T)Eu...



Estou…
Estavas…
Serei eu este que sou…
Terei eu a alma que ancoravas…
Fui…
Vieste…
Fiquei longe de ti (isso se conclui…)
Escutando música de coração agreste…
Imagino…
Imaginavas…
Que o vento, será nosso hino…
Que o luar, seria reflexo com que me torturavas…
Senti…
Sente…
Que a sombra «daquela» árvore chora por ti…
Que o grito da coruja, tua sabedoria consente…
Lembro…
Lembrarias…
Das incandescentes folhas do frio Novembro…
Do calor da fogueira que aqui dentro acendias...
Penso…
Pensarás…
No que seria sem este nevoeiro intenso…
No que poderia ser, sem a dúvida voraz…
Sorrio…
Sorriste…
Do passado… da nascente deste rio…
Do leito… da foz futura que já não existe…
A preto e branco…
Com vivas cores a temperar….
Horizonte é aquele mesmo recanto…
Que nos leva, onde tudo volta a iniciar.
Eu vi…
Tu viste?!

(a sombra...sombreou aqui)

10 comentários:

tonsdeazul disse...

Simplesmente fabulástico!!!

ruinzolas disse...

Esperas que o teu horizonte seja partilhado por alguém... sem teres de dizer que o desejas...
O tempo... condicionado à suposição de que algo existe ou deveria existir... sem se saber bem onde... mas sabendo bem em quem...

Recomeçar para ser igual? Para ser diferente?

Se vês e sentes cor no preto e branco... talvez valha a pena recomeçar...

Abraço e continua...

mj disse...

Ainda mais bonito!*

VisitanteH disse...

hummm....já vi pelo que li aqui, aliás muito bonito, que seguiste o meu conselho :-)), nada com uma boa dose...um abraço

GIRASSOLA disse...

Solta essa alma
Que em ti presa teima estar ...
Dá-lhe asas, liberdade,
Alimenta-a de amor
deixa-a ir.. sem parar...

Beijinho...

Ana Pinheiro disse...

Sou da mesma opinião da parolinha linda (Girassola, lol)...solta essa tua alma...e alimenta-a de amor...
Beijo terno e eterno da Beij@ (a colibri esvoaçante)

"alma" disse...

humm..tou a ver que tás..a "caminhar"bem :-))

beijinhos.

Lyra disse...

gostei deste (t)eu.

Joana disse...

Eu...só vi agora. Mas gostei muito do que vi...e do que li!

Sei porque vim.
Tu também saberás.
Partilhas palavras,
Vais colhendo sorrisos...

Beijo

Ana disse...

Escreves bem, tu :)
Parabéns pelo post.