quarta-feira, setembro 14, 2005

Se(n)tembro…

Verde… e mais verde… e mais verde ainda… de várias tonalidades… texturas… tudo aqui parece verde… sendo precisamente aqui… neste imenso verde, que eu deixo muito das minhas ideias amadurecer!
Esta é a visão que meus olhos captam… sim está é a minha janela, é aqui que meu ser reside; estou do lado de cá… dentro destas quatro paredes, no meu imaginário… a realidade de mim faz parte do interior externo que me envolve.
Verde… imenso verde… sinto que se fechasse agora mesmo as janelas do meu olhar, a imagem continuaria a perdurar dentro de mim. Cada vez mais sei e sinto, que é impossível apagar de nós… aquilo que é intrínseco à nossa existência… aquilo que nos faz realmente sentir que temos alma.
E assim… por esse mesmo motivo, as recordações deste meu pequeno mundo quadrangular, são precisamente aquelas… que residem (em mim) fora de mim. Por certo estas paredes sabem muito a meu respeito, mas… não me sinto exclusivo deste mundo mais físico… estou sim, mesmo que por fora, dentro daquele mundo.
É Setembro… sente-se o mês aqui… este é o mundo que habita em mim neste preciso espaço de tempo! Apesar de todo aquele verde, que as ultimas chuvas ajudara a reavivar, a coloração dentro em breve não será mais a mesma… toda a luz que nos surge… reluz unicamente à sombra dos nossos olhos… interiormente é sentido desde já o sabor a despedida, cl(amada) pelo vento… a mudança vai chegando até nós… não «em pezinhos de lã» mas… lançando desde as nuvens… uns pós mágicos… capazes de alterar a cor de tudo… desde o céu… passando pelos rios… depositando-se em cada partícula verde, transformando assim a cor… a personalidade… as motivações de tudo e todos.
Mas… é Setembro… e a magia do Outono ainda vai demorar um pouco a surgir… até lá… faço do mundo verde… o arco-íris que une duas margens bem distantes… coloridas por tons cinzentos… seja do/a cinza do espaço físico onde a alma reside… seja até mesmo da/o cinza que essa mesma alma… levanta sob nós.
Jardim de flores coloridas, não transformes em cinza(s) as pétalas quem em mim desmaiam!

9 comentários:

Nokinhas disse...

Escreves coisas tão lindas :0) Nem imaginas o quanto me sabe bem, chegar ao fim do dia....vir para as minhas 4 paredes, e ler-te :0) Obrigada

Anónimo disse...

melancólico... (essa varanda...)
MJ

Alma disse...

Está lindo...mas o meu está melhor...hehehehe....beijinhos ***( Luzinha )

elsita disse...

Setembro... um mês de eternidade... lindo!

BB (O.ö) disse...

Longe de mim te querer pressionar... Impressionar tb não... mas... para quando um novo Post?? lol?

Queres que te ceda uns comentarios do meu Blog?
eheheh
Beijufas

zuzinha.zu disse...

Devorando as tuas palvras...sobejamente escolhidas...
Beijinhos...*
Zuzinha

zuzinha.zu disse...

Devorando as tuas palavras...
Interiorizando o teu sentir
A tua chuva
A tua sombra...
Beijinho*

zuzinha.zu disse...

Olha...ficaram dois comentários..
Toma mais um que é para pensares que veio muita gente ler...rss

Anónimo disse...

Filipe;

Já estamos em Outubro :))))

Isabel / Deusinha